Estudo, História

História do Brasil

A história do Brasil deve ser considerada desde o seu início, com a chegada dos primeiros humanos, embora esta data não seja conhecida. Regiões de ocupação foram registradas com mais de 15 mil anos e ainda há muito o que se descobrir sobre isso.

Para estudarmos a história conhecida do Brasil, desde seu descobrimento, quando já existem registros, devemos considerar três períodos distintos:

  • Período Colonial
  • Período Imperial
  • Período Republicano

Essa divisão, no entanto, deve ser considerada apenas com o objetivo de organizar os principais conteúdos e acontecimentos desde que o Brasil se tornou uma região conhecida, tendo como ponto de partida o seu descobrimento, no ano de 1500.

publicidade:


Oscar_Pereira_da_Silva_-_1931_-_Aclamação_de_Amador_Bueno

Como sabemos que o território em que se formou a nação chamada Brasil possuía antes muitas tribos nativas, cada uma com seus aspectos culturais particulares, devemos também considerar esse período, que pode ser chamado de Período Pré-Cabralino.

publicidade:

Esse período, antes do descobrimento, refere-se aos indígenas e faz referência a Pedro Álvares Cabral, considerado o descobridor de nosso país, sendo o dia 22 de abril de 1500 considerado como o marco inicial da história do Brasil.

História do Brasil – Período Colonial

A partir dessa data em diante, podemos entrar no período considerado na história do Brasil Colônia que, na verdade, só terá início em 1530, quando Portugal manda efetivamente os primeiros portugueses para colonizar a nova terra.

publicidade:

A colonização do Brasil só começou a ser efetiva em virtude da preocupação de Portugal com as ameaças de invasões de terras brasileiras por outras nações, que aconteceram diversas vezes no período do Brasil Colônia.

O sistema de ocupação e administração foi estabelecido pelas Capitanias Hereditárias, sendo depois o Brasil regido pelo Governo Geral, buscando organizar melhor a ocupação do território, com vistas a desenvolver e aproveitar suas riquezas.

O período colonial avançou até o ano de 1808, quando a Família Real refugiou-se no Brasil, fugindo de Napoleão Bonaparte e tornando nosso país parte integrante do Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves.

Desse período podemos destacar o desenvolvimento da economia, da sociedade açucareira e, em seguida, da sociedade mineradora, tendo ocorrido diversos eventos, como as rebeliões nativistas e separatistas, merecendo especial destaque a Inconfidência Mineira.

História do Brasil – Período Imperial

O Período Imperial teve início em 1822, quando Dom Pedro declarou a Independência do Brasil, movido pelas intensas transformações políticas no Brasil e em Portugal, tornando o Brasil uma nação independente.

Dentro do Período Imperial podemos estabelecer o período de regência, que foi marcado por governo de regentes depois que Dom Pedro I deixou o poder, abdicando em favor de seu filho, Pedro de Alcântara, que começou a reinar apenas em 1840, quando foi emancipado. Seguiu-se, então, o Segundo Reinado, que durou até 1889, quando ocorreu a Proclamação da República.

O período do Segundo Reinado foi marcado pela Abolição da Escravatura, em 1888.

Veja Também: Acesse e saiba mais detalhadamente sobre a Independência do Brasil

História do Brasil – Período Republicano

Depois de 1889 teve início o Período Republicano, marcado por um estrutura política totalmente diferente daquela existente antes. A República, no Brasil, foi marcada pela busca dos ideais políticos republicanos influenciados pelo positivismo e essa ideologia marcou a formação da República Velha, no período de 1889 a 1930, com a direção do país sendo feita alternadamente por antigos barões e sem contar com a participação efetiva da população.

De 1930 a 1945 tivemos a Era Vargas, um período de ditadura que foi marcado por algumas rebeliões e, em seguida, seguiu-se a Republica Populista, até 1964, um período marcado pelo populismo e que se encerrou com o início da Guerra Fria.

Em 1964 ocorre o chamado Golpe Militar, quando as forças armadas ocuparam o governo, evitando a implantação de um sistema de governo comunista, permanecendo no poder até 1985. Esse período foi marcado pelo regime militar que cassou direitos políticos e liberdades individuais.

Após 1985, o governo foi devolvido à população, com eleições diretas e escolha dos próprios governantes, chegando ao Brasil da atualidade, que conquistou, mais uma vez, o direito de gerenciar os próprios governantes, com acontecimentos marcantes em nossa história, como o impeachment de Fernando Collor e, mais recentemente, o de Dilma Roussef, sendo que este foi o mais longo de um único partido, o Partido dos Trabalhadores, que tentava implantar um projeto de poder direcionado novamente ao populismo e ao socialismo.

publicidade:
Share this Story

Facebook Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Check Also

Treinos de Boxe

Um treino de boxe tem de seguir as ...




Nosso site é gratuito e sempre será. Para ajudar a manter o site funcionando, por favor indique aos seus amigos clicando no G+, não custa nada.

Receba novidades por e-mail

Assine a nossa newsletter e receba novos conteúdos por e-mail!